Andressa de Morais quebra o recorde sul-americano do disco

27 d junho d 2019 às 4:07 pm

Paraibana venceu prova em Leiria, em Portugal, com 65,34 m ela participa de um dos Campings Internacionais de Treinamento e Competição da CBAt e do COB, que fazem parte do Programa de Preparação Olímpica 2019-2020

Andressa melhora recorde continental

 A brasileira Andressa Oliveira de Morais (Pinheiros) quebrou o recorde sul-americano do lançamento do disco ao vencer a prova no Meeting Internacional de Leiria, em Portugal, com a marca de 65,34 m, nesta quarta-feira (26/6). A arremessadora superou o seu próprio recorde continental, de 65,10 m, alcançado no dia 8 de julho do ano passado, durante o GP Brasil Caixa de Atletismo, em Bragança Paulista (SP).

A marca da paraibana, de 28 anos, é a sexta melhor no Ranking Mundial da IAAF de 2019. “Estou muito feliz e o resultado mostra que os treinos estão no caminho certo. Agradeço muito a todos que me levam para a frente”, comemorou a atleta. A gaúcha Fernanda Borges (IEMA-SP) ficou em segundo lugar na prova portuguesa, com 60,07 m.

Já na prova do lançamento do dardo, a vitória foi da também brasileira Laia Ferrer (Pinheiros), com 57,13 m.

As atletas participam de um dos Campings Internacionais de Treinamento e Competição do Meeting Internacional de Leiria , iniciativa da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB). Todos os campings são custeados com recursos exclusivamente da Lei Agnelo Piva, disponibilizados pelo COB.

Andressa de Morais e Fernanda Borges, por exemplo, estão baseadas no Centro de Treinamento de Jamor, em Lisboa, desde domingo (23/6). A coordenação geral é de Carlos Alberto Cavalheiro (COB) e o apoio do coordenador Fernando dos Reis (CBAt). Depois o pessoal se muda para Madri, na Espanha.

O grupo tem os treinadores José Haroldo Loureiro Gomes, o Arataca, Felipe de Siqueira da Silva, Carlos José Camilo de Oliveira, Katsuhiko Nakaya, Victor Fernandes, Evandro Lazari, Neilton Moura e Tânia Moura. Acompanham a delegação os fisioterapeutas Matheus Kowalski e Anderson Elói de Oliveira e o massoterapeuta Everton Luiz Ribeiro.

Entre os atletas estão, no feminino, Vitória Cristina Rosa – 100 m, Geisa Coutinho – 400 m e Eliane Martins – distância, as três do Pinheiros-SP, além de Andressa e Fernanda.

No masculino, estão Paulo André de Oliveira (Pinheiros-SP) – 100 m, Aldemir Gomes Junior (Pinheiros-SP) – 200 m, Eduardo Rodrigues de Deus (Orcampi Unimed-SP) – 110 m c/barreiras, Marcio Teles (Orcampi Unimed-SP) – 400 m c/barreiras, Alison Brendom dos Santos (Pinheiros-SP) – 400 m c/barreiras, Paulo Sergio Oliveira (IEMA/São Bernardo-SP) – distância, Alexsandro do Nascimento de Melo (Orcampi Unimed-SP) – triplo, Almir Cunha dos Santos (Sogipa-RS) – triplo, e Caio de Almeida Teixeira (Centro Olímpico-SP) – 400 m c/barreiras.

Já Laila Ferrer está treinando em León, na Espanha, no Camping Internacional de Treinamento do Arremesso e Lançamento, que começou dia 27 de maio e segue até 3 de agosto. O treinador é o especialista cubano Justo Navarro. Estão no grupo também os arremessadores Geisa Arcanjo e Darlan Romani (Pinheiros-SP).

Na terça-feira (2/7), o carioca Gabriel Constantino e o técnico Renan Valdieiro embarcam para Spala, na Polônia, para o início do Camping Internacional de Treinamento e Competição de 110 m com barreiras que prossegue até o dia 22 de julho.

Já no dia 7, a carioca Viviane Santana Lyra (FECAM-PR) segue para Paipa, na Colômbia, para Camping Internacional de Treinamento de Marcha Atlética. 

Em Paipa, também, está sendo realizado o Camping Internacional de Treinamento do Meio-Fundo e Fundo, desde o dia 19 de junho, com a participação de July Ferreira da Silva (IPEC-PR) – 1.500 m, Tatiane Raquel da Silva (IPEC-PR) – 3.000 m com obstáculos, Ederson Vilela Pereira (Pinheiros-SP) – 5.000 m e as maratonistas, também do Pinheiros-SP, Valdilene dos Santos Silva, Andreia Aparecida Hessel.

A Caixa é a patrocinadora do atletismo brasileiro.

Share