Darlan Romani obtém índice para o Mundial de Londres

29 d abril d 2017 às 12:59 pm
O catarinense Darlan Romani, quinto colocado nos Jogos Olímpicos do Rio 2016, obteve nesta sexta-feira (dia 28) o índice para o Campeonato Mundial de Atletismo de Londres, que será disputado em agosto, na Grã-Bretanha.

Ele venceu a prova do arremesso do peso do Tom Jones Memorial Invitational, com a marca de 20,93 m. A competição foi realizada na pista Percy Beard, do Estádio James G. Pressly, em Gainesville, na Flórida, Estados Unidos. O índice exigido pela IAAF para a prova é de 20,50 m.

Darlan (B3 Atletismo), Geisa Arcanjo (Pinheiros) e o especialista cubano Justo Navarro participam de um Camping de Treinamento e Competições, organizado numa parceria da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e o Comitê Olímpico do Brasil (COB), com recursos da Lei Agnelo/Piva.

Recordista brasileiro com 21,02 m, marca alcançada na Olimpíada do Rio, Darlan garantiu 20,93 m logo em sua primeira tentativa em Gainesville. No último arremesso, cravou o índice ao alcançar 20,50 m. Connor Randel ficou em segundo lugar, com 18,17 m, seguido de Zach Bolton, com 16,74 m.

Para garantir a vaga no Mundial, além da obtenção do índice, Darlan também precisa estar entre os 40 melhores atletas do ranking olímpico do atletismo (máximo de três atletas por país), conforme critério da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). O prazo para a conquista das marcas mínimas vai até o dia 23 de julho.O resultado do arremessador precisa ainda ser homologado pelo Departamento Técnico da CBAt.

A base de preparação dos atletas nos Estados Unidos é a IMG Academy, em Bradenton, na Flórida. Eles estão treinando lá desde o dia 6 de abril e onde ficarão até 6 de maio.

Salto com vara – Já Augusto Dutra (Orcampi Unimed) competiu no Des Moines Drake Relays Invitational, também nos Estados Unidos. Ele ficou em quinto lugar no salto com vara, com 5,35 m, a melhor marca do ano. O vencedor foi o norte-americano San Kendricks, com 5,70 m.

Augusto e o técnico João Gabriel Santos Sousa participam de Camping na Risen Performance, em Phoenix, no Arizona. Os treinamentos começaram no dia 1º de abril e prosseguem até 31 de maio e também são feitos na parceria entre a CBAt e COB, com recursos da Lei Agnelo/Piva.

Foto: Darlan e Justo Navarro, em Gainesville (Divulgação)

Share