Equipe de Atletismo embarca para os Jogos Sul-Americanos de Cochabamba

1 d junho d 2018 às 9:46 am

A equipe de Atletismo do Brasil está pronta para disputar os Jogos Sul-Americanos de Cochabamba, a partir da próxima terça-feira (dia 5), se estendendo as disputas até o dia 8, no Estádio Municipal de Cochabamba, na Bolívia. A maior parte da delegação embarcou nesta sexta-feira (1º), no Aeroporto Internacional de Guarulhos, às 13:15, pela Boliviana de Aviacion, num voo direto, com passagens compradas pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), responsável pela formação da equipe.

A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) convocou 37 representantes, 20 no masculino e 17 no feminino. O fato de a cidade ficar a mais de 2.500 m de altitude em relação ao nível do mar pode propiciar bons resultados nas provas de velocidade e nos saltos horizontais.

Darlan Romani (Wagner Carmo/CBAt)

O Brasil terá uma equipe forte, formada, em sua maioria, por líderes do Ranking Brasileiro e por atletas entre os três primeiros colocados no Ranking Sul-Americano, conforme os critérios de convocação da CBAt. Os destaques são Almir Cunha dos Santos, no salto triplo, e Darlan Romani, no arremesso do peso, que ocupam a terceira e a quarta posições no Ranking Mundial da IAAF de 2018.

Almir Junior, como o triplista é conhecido, saltou 17,53 m (0.3), no Meeting de Guadalupe, no último dia 12, enquanto Darlan quebrou o recorde sul-americano Eugene (USA), no dia 26 passado, com 21,95 m, melhorando em um centímetros o seu recorde anterior.

Vários atletas que moram no exterior ou estão participando de Campings Internacionais de Treinamento Caixa CBAt vão disputar a competição, como é o caso de Wagner Domingos e Allan Wolski, do lançamento do martelo. Eles estão na cidade de Brezice, na Eslovênia, e viajam neste sábado (2) de Zagreb, na Croácia, para São Paulo, e em seguida para Cochabamba.

O mesmo ocorre, por exemplo, com a velocista Rosangela Santos, que viaja de Houston (USA), e com a triplista Nubia Soares, procedente de Madri (Espanha), que seguem direto para a Bolívia.

A delegação terá como chefe o técnico João Paulo Alves da Cunha, os treinadores Edemar Santos, Victor Fernandes, José Haroldo Loureiro Gomes e José Antonio Rabaça, e o médico André Guerreiro Gonçalves.

ATLETAS

Masculino
Vitor Hugo dos Santos – 100 m – 200 m
Aldemir Gomes Junior – 200 m
Lucas da Silva Carvalho – 400 m – 4×400 m
Altobeli Santos da Silva – 3.000 m c/obstáculos
Eder Antonio Souza – 110 m c/barreiras
Eduardo Rodrigues de Deus – 110 m c/barreiras
Marcio Soares Teles – 400 m c/barreiras
Hederson Estefani – 400 m c/barreiras – 400 m
Fernando Carvalho Ferreira – altura
Talles Frederico Silva – altura
Augusto Dutra de Oliveira – vara
Alexsandro do Nascimento de Melo – distância
Paulo Sergio Oliveira – distância
Almir Cunha dos Santos – triplo
Mateus Daniel de Sá – triplo
Darlan Romani – peso
Douglas Junior dos Reis – disco
Allan Wolski – martelo
Wagner Domingos – martelo
Felipe Vinicius dos Santos – decatlo

Feminino
Rosangela Santos – 100 m
Vitoria Cristina Rosa – 200 m – 100 m
Geisa Coutinho – 400 m
Tatiele Roberta de Carvalho – 10.000 m
Fabiana Moraes – 100 m c/barreiras
Valdileia Martins – altura
Juliana de Menis Campos – vara
Eliane Martins – distância
Jessica Carolina Oliveira – distância
Nubia Soares – triplo
Geisa Arcanjo – peso
Andressa Oliveira de Morais – disco
Fernanda Raquel Borges Martins – disco
Mariana Grasielly Marcelino – martelo
Laila Ferrer – dardo
Eloah Caetano Scramin – dardo
Giovana Cavaleti – heptatlo

Share